Homeopatia

Homeopatia (das palavras gregas que significa ‘sofrimento similar’) é um terapia suave que funciona mediante a estimulação do próprio poder de cura do corpo para purificar-se de qualquer desequilíbrio. Por ser holística, trata a integridade do indivíduo, e não apenas a doença.

Não há evidência clínica para provar que a homeopatia é eficaz na doença de Parkinson. Alguns médicos temem que este é um pouco mais do que o efeito placebo.

A evidência anedótica sugere que alguns sintomas podem melhorar em algumas pessoas, por exemplo:

  • Argentum – para ataxia (perda de coordenação muscular), tremores, falta de jeito;
  • Causticum – para pernas inquietas;
  • Cuprum – para cãibras musculares;
  • Mercurius Vivus – para suavizar a doença de Parkinson, que é pior à noite, e para ataques de pânico;
  • Zincum metallicum – para a ansiedade e depressão.

Aqui estão apenas alguns exemplos. Um homeopata qualificado irá fazer as recomendações de acordo com sua própria situação e sintomas. Há muitos remédios homeopáticos disponíveis para tratar os mesmos sintomas, e como cada pessoa reage a uma doença de uma maneira diferente, um homeopata vai combinar seus sintomas particulares com remédios para suas próprias necessidades. Ao contrário da medicina convencional, um remédio não é para todos.

Homeopatia também pode ser útil para as necessidades dos cuidadores, como por exemplo, para aliviar o estresse.