Quem é candidato para DBS?

Nem todos os pacientes são candidatos para DBS e você deve sempre consultar um médico e um especialista na terapia. As seguintes perguntas podem ser úteis para avaliar se você pode ser um candidato ou não:

  • Você tem Parkinson há pelo menos 4 anos?
  • Você sofre de sintomas que causam desconforto e interferem com suas atividades diárias?
  • Está tomando qualquer dopaminérgico diariamente (por exemplo, Levodopa, Sinemet, Stalevo, Parcopa, Co-careldopa, Co-beneldopa)?
  • Você nota alguma melhora dos sintomas quando toma medicação?

Se você respondeu "sim" a algumas das perguntas acima, você pode consultar o seu médico sobre a opção da terapia DBS. Apenas um neurologista ou neurocirurgião podem determinar se ela é indicada para um paciente.

Estes são alguns dos fatores considerados por um especialista para determinar se você é ou não candidato:

  • Você deve estar fisicamente apto para ser submetido à cirurgia;
  • Você não deve ter dificuldades cognitivas significativas ou demência;
  • Você deve compreender a natureza da terapia e ser capaz de operar o controlador do neuroestimulador;
  • Você deve fazer consultas de acompanhamento regularmente.